quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Dragões pelas selecções: Outubro de 2016

Após a vitória frente ao Nacional, foram seis os jogadores do Futebol Clube do Porto que viajaram da Madeira directamente para integrar os trabalhos das suas respectivas selecções. Aqui fazemos um apanhado das suas prestações, naquela que foi a segunda pausa da temporada na competição de clubes, para abrir espaço para as selecções nacionais. Destaque para os sul-americanos, que estão dispensados de qualquer actividade relacionada com as selecções, o que lhes permite recuperarem energias e concentrarem-se no trabalho do Futebol Clube do Porto. 


Foto original

Foi um duplo compromisso de sonho para o jovem avançado do Futebol Clube do Porto. Titular frente a Andorra, teve a oportunidade de, às três tabelas, estrear-se a marcar pela selecção ao minuto 86 da partida. Mas o melhor ainda estava para vir. Frente às Ilhas Faroé, o sintético aprimorou a sua capacidade de finalização e rubricou um hat-trick em 37 minutos, sendo agora o mais jovem de sempre a conseguir fazê-lo por Portugal. Cedeu o seu lugar a Éder ao minuto 79.


Foto original

Ao contrário de André Silva, Danilo Pereira não mereceu a confiança de Fernando Santos e não registou qualquer minuto de jogo neste duplo compromisso da Selecção. 


Foto original

Mesmo apurados para a fase final do campeonato da Europa de sub-21, Rúben Neves voltou a fazer parte das escolhas de Rui Jorge. Frente à Hungria, participou na primeira parte, saindo ao intervalo depois de uma exibição menos conseguida. Já frente ao Liechtenstein, teve a oportunidade de fazer o gosto ao pé ao minuto 75, marcando o 1-6 através de um remate de fora da área.


Foto original

Diogo Jota também fez parte dos escolhidos de Rui Jorge. Na deslocação à Hungria, o jovem emprestado pelo Atlético de Madrid rubricou uma excelente exibição, inaugurando o marcador e participando no segundo golo. Frente ao Liechtenstein começou o jogo no banco e apenas entrou ao minuto 62.

Nota para a presença de Fernando Fonseca, jogador da equipa B, que foi titular na partida frente à Hungria no lado direito da defesa.


Foto original

Óliver Torres foi novamente chamado pelo seleccionador espanhol de sub-21 para um duplo compromisso de qualificação. Frente a São Marino registou 77 minutos de utilização. Na goleada frente à Estónia participou em toda a partida.


Foto original

Brahimi fez parte dos jogadores chamados pelo seleccionador da Argélia para o compromisso de apuramento para o próximo campeonato do mundo. No empate frente à selecção dos Camarões, Brahimi entrou ao minuto 56 da partida, sem conseguir alterar o resultado.


Embora com alguma fadiga acumulada, os internacionais do Futebol Clube do Porto regressam sem lesões e prontos para se juntar aos trabalhos do Clube, embora com algum condicionamento. Sábado regista-se a deslocação a Aveiro, para defrontar o CD Gafanha, a contar para 3ª eliminatória da Taça de Portugal. Podemos não ir com tudo, mas temos de ir com o máximo respeito e profissionalismo. A antevisão à partida surgirá durante a tarde de sexta-feira. 


Promova o debate. Comente e deixe a sua opinião. 

Um abraço.

Sem comentários:

Enviar um comentário