terça-feira, 23 de agosto de 2016

"All in": AS Roma vs Futebol Clube do Porto (antevisão)

Jogo marcado para terça-feira, 23 de Agosto, com início às 19h45. Transmissão RTP1.

Alguém queria uma final? Não é um título que está em jogo, mas pode significar muito mais. Jogamos demasiado numa só partida. O Futebol Clube do Porto desloca-se à capital italiana para tentar reverter o empate a uma bola registado no Estádio do Dragão. Se o jogo em casa já se tinha demonstrado muito complicado, o ambiente do Olímpico de Roma só dificultará a tarefa de quem tem de reverter um resultado. Nuno Espírito Santo chamou 20 jogadores, incluindo Evandro, que foi baixa de última hora no passado sábado.


Aposto no seguinte onze:



Palpito que não fugirá muito disto. Um onze equilibrado, com elementos que justificam a aposta e com a confiança de Nuno Espírito Santo. No banco, algumas opções para mexer, para trás, ou para a frente. A batalha pelo miolo do terreno será novamente decisiva. O primeiro jogo demonstrou isso claramente. Espero que o Treinador do Futebol Clube do Porto tenha aprendido com os erros e possa corrigir a organização da equipa, a fim de podermos competir durante hora e meia frente a um poderoso adversário.

A história não se verifica favorável para o Futebol Clube do Porto. 3 empates a 1 bola em casa deram sempre direito a derrota na segunda-mão. Bayern Munique, Chelsea e Inter não facilitaram no seu reduto e venceram para seguir em frente na fase a eliminar da Liga dos Campeões. O adversário é diferente, a fase da competição também. Mas o terreno mostra-se novamente inclinado. De toda a maneira, há que sublinhar um outro dado: o Futebol Clube do Porto nunca foi eliminado por equipas da capital italiana.

Nota para a oficialização de Josué no Galatasary por empréstimo, com opção de compra ainda por publicitar. Um abraço, Josué. O teu clube do coração nunca foi capaz de tratar-te tão bem como tu o trataste. Coisas da vida de um futebolista... Ainda nem sei porque renovaste. Já os rumores sobre Brahimi no Everton ou Arsenal, Aboubakar no Besiktas, Indi entre a Turquia e Inglaterra ou as chegadas de Óliver ou Diogo Jota requerem confirmação e pouco comentário. O início da competição já não permitem mais palpites para o ar. Ontem o jornal AS deu conta da presença normal de ambos no treino do Atlético de Madrid. Política diferente da do Futebol Clube do Porto.

Ao contrário do que Nuno Espírito Santo apregoou, teremos novamente o país maioritariamente contra nós. Só mesmo a Nação Portista apoiará o Futebol Clube do Porto na tentativa de adicionar um terceira equipa Portuguesa ao sorteio da fase de grupos da Liga dos Campeões. Mas é possível. Só temos de, em Roma, ser Porto... Só!


Crente. Portista.


Quais são as suas expectativas para este jogo? Promova o debate. Comente e deixe a sua opinião.

Um abraço.

Sem comentários:

Enviar um comentário