sábado, 9 de abril de 2016

“Teste de carácter” – Antevisão: FC Paços de Ferreira vs Futebol Clube do Porto (Liga NOS)


Domingo, 10 de Abril, a partir das 18h15. Transmissão SportTV

Amanhã o o Futebol Clube do Porto desloca-se a Paços de Ferreira para defrontar a equipa local em mais um jogo a contar para o campeontado. Marcano é baixa de última hora, com Evandro e André André ainda a fazerem trabalho condicionado. Alberto é baixa prolongada e não poderá fazer parte das escolhas de José Peseiro. Aboubakar e Tomas Podstawski sairam da lista de eleitos, em comparação com a partida frente ao Tondela. O Treinador do Futebol Clube do Porto fez a antevisão à partida no dia de ontem, sexta-feira, e respondeu a perguntas que também se relacionavam com a entrevista do Presidente do Futebol Clube do Porto Jorge Nuno Pinto da Costa ao Porto Canal, onde retirou pressão no que toca aos resultados, mas colocou-a no máximo em relação ao carácter e à entrega dentro de campo. José Peseiro prometeu uma "resposta cabal" na partida de amanhã, domingo.

Aposto no seguinte onze:

Powered by lineupbuilder.com

Com mais ou menos carácter, é provável que José Peseiro irá confiar em praticamente nos mesmos para esta partida. Aboubakar deverá ser a única excepção, que ficou de fora por opção técnica. Francisco Ramos e André Silva regressam aos convocados de José Peseiro, mas devem começar o jogo no banco de suplentes. O Presidente do Futebol Clube do Porto Jorge Nuno Pinto da Costa declarou que os jogadores tinham 6 partidas para demonstrar carácter e qualidade se querem manter-se no plantel da próxima temporada. Talvez esse discurso tenha afectado a convocatória para esta partida, sendo que certamente José Peseiro já saberia da postura do Presidente antes da entrevista ao Porto Canal.

Um valente puxão de orelhas, sem dúvida! E em público! Mas há que sublinhar várias condicionantes. Primeiro, só jogam 11 de início e podem apenas participar mais 3. Ora, ou existe uma rotação na equipa, ou alguns jogadores não terão oportunidade. Depois, as definições de carácter e qualidade. Ambas muito amplas, muito polémicas, e que nem o Presidente, ontem, nem o Treinador, hoje, do Futebol Clube do Porto quiseram ir ao concreto. José Peseiro desmente que alguém tenha posto o carácter dos jogadores em causa. No entanto, também é verdade que estas mexidas sugerem que a convocatória teve outro tipo de tomada de decisão.

Creio que qualquer palpite, antevendo o que se passará na Mata Real será sempre injusto. O que posso prometer é máxima atenção à partida e um "medidor de carácter" que irá aparecer no cabeçalho do blog para consulta e discussão ao longo da temporada que resta.


Preocupado. Expectante. Portista.

Promova o debate. Comente e deixe a sua opinião.

Um abraço.

Sem comentários:

Enviar um comentário